Visita ao Projeto TAMAR na Praia do Forte – BA

Esta base do projeto é a sede nacional e protege cerca de 100 mil filhotes

A Praia do Forte é um ótimo destino turístico no estado da Bahia e lá há uma sede do Projeto TAMAR, um projeto de pesquisa, conservação e manejo das cinco espécies de tartarugas marinhas que ocorrem no Brasil, todas ameaçadas de extinção.

Projeto TAMAR

Projeto TAMAR

O Projeto possui 23 bases mantidas em áreas de alimentação, desova, crescimento e descanso desses animais, no litoral e ilhas oceânicas, em nove estados brasileiros (Bahia, Sergipe, Pernambuco (Fernando de Noronha), Rio Grande do Norte (Atol das Rocas), Ceará, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo e Santa Catarina).

O Projeto TAMAR (cujo nome vem da combinação das iniciais TArtaruga MARrinha) foi criado em 1980, pelo antigo IBDF, que mais tarde se transformou em IBAMA. O projeto é reconhecido internacionalmente como uma das mais bem sucedidas experiências de conservação marinha e serve de modelo para outros países. Vale ressaltar que o projeto não tem fins lucrativos.

Tanques do Projeto TAMAR

A base que fica na Praia do Forte é uma das três primeiras bases instaladas no país, em 1982. Sede nacional do Projeto, é um dos principais destinos turísticos do Estado. Fica a 70Km de Salvador, no município de Mata de São João.

Na temporada de desova, entre setembro e março, a base monitora 30Km de praias, protegendo anualmente mais de 1.600 desovas e 100 mil filhotes.

Dentro do Projeto TAMAR da Praia do Forte existem diversas atividades (ótimas principalmente para crianças) como o cine TAMAR, oficinas e teatros, além de poderem ver tartarugas imensas e outras espécies de peixes, como arraias e tubarões. É possível fazer carinho em alguns animais, como o tubarão lixa (durante a sua alimentação) e também algumas arraias.

Filhote com 1 semana de vida

Ossada de uma tartaruga gigantesca

Há alguns tanques que tem uma visão de lado, através de um vidro. Parece que você está dentro dos tanques onde estão as  tartarugas.

Tanque com visão através de vidro

Na saída tem uma lojinha que vende produtos do Projeto TAMAR e arrecada recursos que são aplicados no Projeto.

Dentro da área do Projeto TAMAR tem o Bar do Souza, famoso bar da Praia do Forte. Este bar é famoso por vender um bolinho de peixe que é delicioso. Crocante e sequinho por fora, ele surpreende com seu recheio molhadinho e bem temperado. Durante a alta temporada o Bar do Souza chega a vender 4 mil bolinhos por dia. Pode-se dizer que o bolinho de peixe do Bar do Souza é tão famoso quanto o Projeto TAMAR rsrsrs.

Bolinho de Peixe do Bar do Souza

Eu com cara de aprovação!

A entrada no Projeto TAMAR custa R$16,00 para adultos. Se você for estudante, basta apresentar a sua carteirinha e pagar meia entrada. Crianças até 5 anos não pagam entrada.

Algumas informações foram retiradas do site oficial do projeto: www.tamar.org.br

Viagem realizada em outubro de 2012


+ Praia do Forte no Blog Meu Destino

Como chegar
O que fazer por lá
Os melhores passeios
Projeto TAMAR


—————Curta nossas redes sociais—————
Facebook – Twitter – Instagram – Youtube – Flickr – Feed

André Morato
Nasci em Divinópolis, interior de Minas Gerais, onde moro atualmente. Sou solteiro, colunista, blogueiro, viajante, designer gráfico, agente de turismo... (Oferecimento: Bombril. 1001 utilidades!). Apaixonado por viagens e por fotografia. Viajei para vários lugares no Brasil e no mundo mas confesso, tem muita coisa que ainda quero conhecer. Criador e editor deste blog. Saiba mais...

2 COMENTÁRIOS

  1. Estive aí, coincidentemente no mesmo dia…
    Vale a pena conhecer, são animais relativamente grandes, porém aos nossos olhos indefesos. Muito bacana este Projeto.

Comente!