Belo Horizonte na Copa: Estrutura do Mineirão

Após o reforma, o Mineirão está com uma baita estrutura para receber os jogos da Copa do Mundo FIFA 2014

O futebol é um esporte que atrai multidões para os estádios, desde crianças até os idosos. Neste post, irei fazer uma breve análise em relação à preparação de Belo Horizonte na Copa do Mundo 2014.

Mineirão

Para chegar ao Mineirão a partir do centro da cidade, siga até a Praça Raul Soares e pegue a saída para Avenida Bias Fortes, Após atravessar uma ponte/túnel, vire à esquerda na Rua Dom Pedro II sentido Pampulha e vire à direita na Av. Carlos Luz e siga por ela até chegar ao estádio. Outra opção é pegar a Av. Antônio Carlos e virar à esquerda na Av. Antônio Abraão de Caram.

belo_horizonte_copa_do_mundo_confederacoes (4)

Aproveite o tempo antes dos jogos para registrar fotos da Igrejinha de São Francisco de Assis, da Lagoa da Pampulha e do Mineirão, visto da Lagoa da Pampulha. A Igreja de São Francisco de Assis é um dos pontos turísticos mais famosos de Belo Horizonte, juntamente com a Lagoa da Pampulha.

belo_horizonte_copa_do_mundo_confederacoes (32)

Mineirão, visto da Igreja São Francisco de Assis.
Mineirão, visto da Igreja São Francisco de Assis.

No caminho rumo ao Mineirão, alguns bares à beira da Lagoa Pampulha estavam lotados e com o amarelo das camisas brasileiras predominando, ficaram bonitos de se ver. Há uma primeira barreira pelas ruas ao redor, onde é verificado se o torcedor possui o ingresso para não tumultuar a região próxima ao estádio.

belo_horizonte_copa_do_mundo_confederacoes-50

Há ainda uma segunda barreira antes de chegar à Esplanada do Mineirão. O movimento já era grande mas estava tudo tranquilo. Antes de entrar no estádio, todos precisam passar pelo detector de metais.

belo_horizonte_copa_do_mundo_confederacoes (34)

Decidi comprar uma cerveja, aquela que o Zeca Pagodinho adora e a fila estava enorme. Pelo menos, a cerveja estava bem gelada, o que diminui um pouco da raiva pela espera. Utilizei também um dos banheiros da Esplanada e estava limpo e de fácil acesso.

belo_horizonte_copa_do_mundo_confederacoes (37)

Havia uma loja da FIFA na Esplanada do Mineirão e dei um passeio por lá também. Encontrei um mascote da copa, o “Fuleco” e achei até bonitinho e por 2 segundos passou pela minha cabeça comprar um, até que vi o preço de R$69,90. Só tirei uma foto com o boneco e fiquei satisfeito.

Fuleco, o mascote da Copa
Fuleco, o mascote da Copa

Após passear pela loja oficial da FIFA, decidimos entrar no Mineirão. Também foi super tranquilo, e pequenas filas sem stress. Com isso já dá pra concluir que, quem chega cedo ao estádio, não encontra problemas.

belo_horizonte_copa_do_mundo_confederacoes (13)

Assim que entramos no Mineirão, os bares estavam tranquilos e pequenas filas foram formadas para adquirir comidas e bebidas. Vale ressaltar que cada chopp de 473ml custou R$9,00 e um cachorro quente (leia-se um pão com salsicha sem molho) custou R$8,00, um abuso! Na verdade eu queria mesmo era o tropeiro mas a fila estava quilométrica.

Tive facilidade em encontrar a minha cadeira, já que os assentos são numerados. Uma hora antes do jogo, decidi comprar outra bebida, porém a fila já estava muito grande e fiquei cerca de 25 minutos esperando. Chegou a minha vez e então, veio a surpresa, cerveja quente. Isso mesmo amigos, cerveja a R$9,00 o copo e quente. Isso que é padrão FIFA? Um absurdo!

belo_horizonte_copa_do_mundo_confederacoes (18)

Assisti ao jogo tranquilamente, junto com meu amigo e foi um verdadeiro espetáculo. Um grande jogo que, no final, a seleção brasileira saiu vencedora. Estamos na final. Durante o jogo, os telões mostram algumas pessoas presentes no estádio, o que vira uma grande atração durante a partida.

Ao deixar o estádio, apenas uma saída para o estádio inteiro estava aberta, e gastei cerca de 20 minutos para sair de dentro do Mineirão. O motivo alegado pela FIFA era que haviam protestos em algumas ruas em torno do estádio e por isso os portões não foram abertos. Mas enfim, consegui chegar ao meu veículo e retornar a minha cidade sem problemas.

belo_horizonte_copa_do_mundo_confederacoes (24)

belo_horizonte_copa_do_mundo_confederacoes (22)

Esta é a câmera que faz as imagens aéreas durante o jogo. Belas imagens por sinal.
Esta é a câmera que faz as imagens aéreas durante o jogo. Belas imagens por sinal.

belo_horizonte_copa_do_mundo_confederacoes (35)

belo_horizonte_copa_do_mundo_confederacoes (28)

Quanto aos passeios em BH, o Mercado Central e a Pampulha são indispensáveis. Estava em meus planos conhecer o Circuito Cultural da Liberdade e o Mirante das Mangabeiras, mas ambos estavam fechados. Vou programar uma outra data para conhecê-los mas já deixo aqui como sugestão. Também sugiro o Inhotim, um Jardim Botânico com um baita acervo de Arte Contemporânea e fica em Brumadinho, bem próximo de Belo Horizonte.

belo_horizonte_copa_do_mundo_confederacoes (33)

Belo Horizonte na Copa. Vale a pena ir?

Conclusão sobre Belo Horizonte na Copa do Mundo: O Mineirão me surpreendeu. A estrutura do estádio é fantástica, o estádio está lindo e poderá receber muito bem a Copa do Mundo.

Quem chega cedo ao estádio não encontra problemas e esta é a recomendação minha e da FIFA. Faltam alguns detalhes a serem ajustados com um pouco mais de cuidado como as grandes filas para comprar alimentos e bebidas, bebidas quentes,  entre outros problemas.

Os preços dos produtos dentro do estádio e nos arredores são abusivos, tendo em vista que a Copa do Mundo é a copa do povo e pro povo. O que deixa a desejar também é a mobilidade urbana para chegar e deixar o estádio, tendo em vista que os ônibus não são suficientes para todos utilizarem confortavelmente ficando lotados.

Também não há um metrô que chegue perto do Mineirão. Se melhorar alguns pontos, o Mineirão tem tudo pra ser um sucesso na Copa do Mundo!

Viagem realizada em junho de 2013

—————Curta nossas redes sociais—————
Facebook – Twitter – Instagram – Youtube – Flickr – Feed

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

2 COMENTÁRIOS

  1. Olá André, estou conhecendo o seu blog hoje, pq vi seu post lá no grupo de blogs de viagem no Facebook. Estive no Mineirão sábado no jogo Japão x México e algumas impressões foram as mesmas que vc e outras foram diferentes. Meu primo descobriu que o governo estava disponibilizando ônibus de graça, saindo de 6 lugares e como moramos longe (Campinas – SP) só pegamos os ingressos no dia do jogo. Logo em seguida, pegamos o 1o ônibus grátis, que saía da praça Floriano Peixoto (ao meio dia), logo atrás do shopping onde tínhamos que pegar ingressos. O ponto negativo foi que o busão demorou quase 1 hora pra chegar lá! Chegamos super cedo pq estávamos com medo de alguma manifestação bagunçar a região. Foi tudo ótimo na entrada, as filas para comida/bebida estavam menores e do banheiro feminino por incrível que pareça também. Só que os banheiros da esplanada na frente do estádio estavam TODOS sem água. Não gastamos muito pq conseguimos entrar com bolachas e outras comidinhas rs Foi super rapidinho sair do estádio. O plano era pegar o mesmo ônibus de graça para o Minas Shopping e de lá pegar o metrô, mas os policiais não deixaram o público ir para a direção norte do estádio (local de onde os ônibus sairiam) por causa da manifestação que estava um horror naquela região. Tivemos que ir andando um bom pedaço na direção da Av. Carlos Luz(pq a Antonio Carlos estava fechada) e conseguimos pular em um ônibus circular para a rodoviária! Até que chegamos rápido por lá, mas se estivéssemos de carro, estacionado perto da igreja, não ia dar pra chegar! Bom, apesar da confusão na saída, valeu a experiência, assistir jogos no estádio é mil vezes melhor! rs Tb tenho um blog, bem novo, e tenho poucos posts, mas se quiser conhecer, é http://taindopraonde.blogspot.com.br/!

    • Obrigado Fernanda pela visita e pelo comentário. Eu diria que 95% do que aconteceu com vc aconteceu comigo também exceto a falta dágua. Quanto ao transporte gratuito eu não sabia pois fui de carro. Mto bom. Amanhã vou visitar teu blog. Grande abraço.

Comente!